importância do sono

A importância do sono no desenvolvimento da criança

Dormir bem é fundamental em qualquer idade. Porém, as crianças merecem uma atenção especial nesse assunto. Afinal, elas estão passando por transformações importantes tanto no corpo quanto na mente. Sendo assim, a qualidade do sono pode interferir muito no futuro dos pequenos. Mas, você sabe qual a real importância do sono durante a primeira fase da vida?

A seguir, vamos entender a relação entre alguns dos principais aspectos de desenvolvimento infantil e o sono. Confira!

A importância do sono para o desenvolvimento da criança

Entenda como o sono influencia o desenvolvimento da criança.

Desenvolvimento intelectual

As crianças fixam os aprendizados enquanto estão dormindo. Caminhar, engatinhar, falar, comer e todas as demais tarefas que elas vão aprendendo enquanto crescem tem uma profunda ligação com o sono.

De acordo com a National Sleep Foundation (EUA), dormir tem o mesmo peso que a higiene e a alimentação para as crianças. Quanto mais novas, mais atenção os pais precisam ter com a qualidade do sono de seus filhos.

Crescimento

A importância do sono também diz respeito ao crescimento infantil. É nesse período de descanso que o hormônio do crescimento e do fortalecimento muscular é liberado pelo organismo.

Aqui, fica o alerta para os pais que costumam colocar os filhos para dormir mais tarde. Em um primeiro momento, essa prática pode parecer inofensiva, mas a longo prazo a situação é bem diferente.

Além dos problemas no crescimento da estrutura física, ainda há outros que podem surgir em decorrências das noites de sono desequilibradas. Dentre eles, a obesidade infantil merece destaque, pois vem aumentando muito nos últimos anos. O sistema imunológico também é afetado e, com isso, a criança acaba ficando mais vulnerável a uma série de doenças.

Metabolismo

Além da obesidade citada no tópico anterior, o diabetes é outra ameaça às crianças que não possuem uma rotina de sono adequada.

Existem estudos, a exemplo do realizado pela Universidade de Chicago (EUA) envolvendo 300 crianças, que apontaram uma maior probabilidade para o desenvolvimento de disfunções metabólicas naquelas que não tinham noites regulares de sono — elas têm quatro vezes mais chances de desenvolver alguma disfunção metabólica em comparação com as crianças que dormiam uma quantidade de horas adequada todas as noites.

Como ajudar seu filho a dormir melhor

Agora que você entendeu a importância do sono para as crianças, veja algumas práticas que poderão ajudar seu filho a ter mais qualidade de vida:

  • tenha uma rotina: criar hábitos é essencial para o corpo humano. Ao colocar seu filho na cama sempre no mesmo horário, o organismo começa a entender que chegou o momento de dormir, facilitando a indução ao sono.
  • horário certo: as crianças precisam dormir entre oito e dez horas por noite. Mas, tão importante quanto o tempo, é a hora em que são colocadas na cama. Muitos especialistas recomendam que isso seja feito entre oito e nove horas da noite, especialmente pelo fato de o hormônio do crescimento atingir seu pico de liberação por volta da meia-noite.
  • cuidado com a alimentação: assim como ocorre com adultos, as crianças podem ter sua rotina de sono prejudicada por aquilo que estão comendo. A atenção maior deve ser voltada para a última refeição da noite, cuidando para que seja leve, mas muito nutritiva.

Pelo exposto acima, fica claro que não podemos negligenciar a importância do sono para as crianças. Por fim, se você tem alguma dúvida ou quer saber mais sobre como criar uma rotina de sono para seu filho, não hesite em procurar um especialista!

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como pediatra em Belo Horizonte! 

 

O que deseja encontrar?

Compartilhe